OCUPE AS RUAS POA

Ah, terca-feira. Um dia como qualquer outro?!
Não para todos. S...ão nas terças-feiras que a galera se encontra no Viaduto dos Açorianos, um espaço cultural onde as pessoas compartilham algo mais vivo que links cibernéticos. Um lugar para trocar palavras, construir ideias, ouvir uma boa música, ou simplesmente curtir a noite.
Apesar de ser conhecido por alguns como Tuti, as noites de terça-feira no Viaduto dos Açorianos vão muito além de um bar.
Vendedores ambulantes trazem diversas opções aos frequentadores da Ocupação, muitas delas artesanais, como: Cervejas, Esfirras, Brownies, Trufas, Cachaças, Livros, Pastéis e outras mais.
Resistindo ao toque de recolher* imposto pela SMIC, a galera passou a ocupar os espaços públicos e surgiu organicamente um lugar autônomo e independente: O OKUPA VIADUTO. As Terças-feiras no Viaduto dos Açorianos não têm representantes ou estabelecimento responsável. O OKUPA VIADUTO é e está em cada um que o frequenta. Por isso, este movimento está longe do alcance das politicas higienistas e elitistas da atual administração de Porto Alegre.
Este é um espaço de todos onde todos são bem vindos.


*Ocupa Viaduto dos Açorianos

Em 2011, A cidade porto alegre começou a ser moldada por politicas higienistas que tinham como pretexto garantir segurança pública. A SMIC (Secretaria municipal de indústria e comércio) estipulou novas normas aos estabelecimentos. Entre elas, o horário de funcionamento, que passou a ser limitado até a uma hora da madrugada, funcionando como um verdadeiro toque de recolher.
Diversos estabelecimentos mais alternativos não conseguiram se adequar a estas normas e acabaram fechando as portas.
O direito de livre expressão (Art. 5º/ IX é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença) de artistas de rua também foi afetado pela elitização da cidade que incluiu ainda a privatização de diversos espaços Públicos, entre eles o Largo Glênio Peres, Parque farroupilha e a Orla do Guaíba.